Arquitetura, O Estilo clássico na construção civil do século 21

brown building
Compartilhe
91 / 100

Arquitetura, O Estilo clássico na construção civil do século 21

A arquitetura é um termo amplo que envolve a arte e a técnica da construção de edifícios e outras estruturas. O estilo clássico na arquitetura é definido pelas características dos edifícios construídos durante o período clássico da história da arte, que geralmente se estende desde a Antiguidade Clássica até a Renascença.

Arquitetura, O Estilo clássico na construção civil do século 21
Maison Carree in Nimes. Fonte: Wikipedia

O que é a arquitetura clássica?

A arquitetura clássica é um estilo de arquitetura que se originou na Grécia Antiga e se espalhou pelo mundo ocidental. É caracterizada por colunas, arcos e frontões, entre outros elementos.

Origens da arquitetura clássica

É um estilo de arquitetura que se desenvolveu na Grécia Antiga e Roma Antiga. É caracterizada por suas colunas, arcos e outros elementos de design que imitam as formas da natureza. A arquitetura clássica é considerada um dos pilares da civilização ocidental e continua a influenciar a arquitetura moderna.

Fotografia de baixo ângulo do Parthenon durante o dia
Partenon. Fonte: Pexels
edifício de concreto marrom sob céu branco durante o dia
Coliseu. Fonte: Pexels

Arquitetura classicista: contexto histórico

A arquitetura classicista é uma corrente que se desenvolveu na Europa a partir do século XVIII, influenciada pelos modelos da Antiguidade Clássica. Seus principais representantes são Andrea Palladio, no norte da Itália, e Johann Bernhard Fischer von Erlach, na Áustria.

Palladio Arquitetura, O Estilo clássico na construção civil do século 21
Andrea Palladio. Fonte: Wikipedia
800px Johann Bernhard Fischer von Erlach by %C3%81d%C3%A1m M%C3%A1nyoki Arquitetura, O Estilo clássico na construção civil do século 21
Johann Bernhard Fischer von Erlach. Fonte: Wikipedia

No século XVIII, a arquitetura classicista assumiu um caráter universal, tornando-se a principal referência para as construções de todo o continente europeu. Graças às suas qualidades estéticas e à sua capacidade de expressar os valores do Iluminismo, a arquitetura classicista teve um papel fundamental na construção do novo mundo que surgia da Revolução Francesa.

Na arquitetura classicista, o racionalismo é uma das principais características. Tudo é planejado de forma lógica ebem estruturada, de acordo com os princípios da geometria e dos cálculos matemáticos. A ordem é um dos valores mais importantes, e isso se reflete nas formas retilíneas das construções.

Outra característica marcante da arquitetura classicista é a simetria. Tudo é organizado de forma equilibrada, de acordo com uma composição harmônica que respeita as proporções ideais. Essa composição é baseada no chamado “golden ratio”, que estabelece um conjunto de relações entre as medidas dos elementos de uma obra de arte.

Por fim, a arquitetura classicista também é marcada pela utilização de elementos decorativos inspirados na Antiguidade Clássica, como colunas, arcos, frisos e estátuas. Tudo isso tem como objetivo criar uma atmosfera de grande elegância e nobreza.

Os diferentes tipos de arquitetura clássica

A arquitetura clássica é dividida em três períodos principais: antigo, medieval e renascentista. Cada um desses períodos teve suas próprias características e influênciou a arquitetura que vemos hoje. Vamos dar uma olhada mais de perto em cada um desses períodos.

O período antigo da arquitetura clássica começou por volta do século VI aC e terminou no século IV aC. Esse foi o primeiro período em que a arquitetura grega foi realmente desenvolvida. A maioria dos templos que você vê na Grécia hoje foram construídos nesse período. As características principais da arquitetura grega antiga incluem colunas de ordem dórica, jônica ou coríntia, frisose metopes, bem como átrios e pórticos.

O período medieval da arquitetura clássica abrangeu os séculos V a XIV. Esse foi o período em que a arquitetura romana foi desenvolvida e popularizada. As características principais da arquitetura romana medieval incluem arcos de volta inteira, abóbadas de berço, cúpulas e paredes grossas.

O período renascentista da arquitetura clássica durou dos séculos XV a XVI. Esse foi o período em que a arquitetura italiana foi desenvolvida e popularizada. As características principais da arquitetura italiana renascentista incluem janelas em arco de volta inteira, loggias, portais elaborados e frontões triangulares.

O estilo Clássico no Brasil

O estilo Clássico não é característico no Brasil, mesmo que você possa notar alguns elementos da arquitetura clássica em edifícios por todo o Brasil, não existe de fato uma arquitetura clássica no País e sim a arquitetura neoclássica.

Sendo o Brasil um país colonizado por europeus, os estilos arquitetônicos adotados aqui presentes são derivações bastante posteriores que receberam influências ao longo do caminho,  portanto, são classificados como estilos diferentes aos de origem e recebem o termo “neo” antes do nome do estilo, em outras palavras o Estilo clássico no Brasil passou diretamente para o Neo-Clássico.

Posteriormente ao período de tais estilos conhecidos como historicistas, no início do século XX, o Brasil dá entrada ao estilo modernista, a partir do qual foram projetados importantes edifícios por todo o país, por aquitetos conhecidos internacionalmente como Oscar Niemayer, Lina Bo Bardi entre outros, o qual iremos abordar em outro artigo.

estilo clássico arquitetura

Participe da discussão

Compare listas

Comparar
white concrete building
google-site-verification=moL_HX-md5sBtsKxFNeQ6Y6Go9bYz0FhgzLCpJfAdqwMastodon